quarta-feira, 6 de junho de 2012



Santiago - Astrid y Gastón: Um lugar especial para uma noite especial



Filial chilena do restaurante mais respeitado de Lima (Perú), o Astrid y Gastón é a principal casa do chef Gastón Acurio, também presente na Colombia, Equador, Venezuela, México, Argentina e Espanha. Junto com o D.O.M., são os únicos representantes da América Latina na lista dos 50 melhores restaurantes do mundo.

Além de chef do Astrid y Gastón, ele é dono do La Mar (com filial em SP) e do Tanta, um ótimo peruano que existe em Santiago (falarei sobre num outro post). Fora das panelas, ele também é uma celebridade em Lima - é empresário, tem programa de TV, já foi garoto propaganda de banco, já escreveu livro, e até dublou a versão em espanhol do desenho Ratatouille.

A cozinha do Astrid y Gastón é "contemporânea peruana de autor com forte influência na gastronomia francesa". Deu pra entender? Ele reinventa clássicos da culinária peruana e cria novos pratos com uso de ingredientes tipicamente peruanos.

A casa de Santiago está localizada na residencial Calle Antonio Bellet, no coração de Providencia, entre a movimentada 11 de Septiembre e a moderna Andrés Bello, que contorna o rio Mapocho. Nos arredores, vizinhos ilustres como Aqui Está Coco e Giratório.

Reserva feita com alguns dias de antecedência, mesmo para uma segunda-feira, mas para não ter erro: foi o lugar que escolhi para comemorar o aniversário da Luciana.

Saímos do metrô Pedro de Valdívia e caminhamos 2 quadras até a Antonio Bellet. Com algum esforço, achamos o lugar - à noite parece uma casa comum, sem luzes nem letreiros chamativos. Não parece um restaurante.



Ao cruzarmos a porta, surge um ambiente requintado, imponente, de arquitetura clássica, luzes de média intensidade, distribuído em 2 andares e 3 salões - o primeiro é mais intimista, isolado e escuro; o segundo é mais aberto, com pé direito duplo e tem a grata companhia da cozinha evidraçada; e o piso superior, ideal para grupos maiores.


O cidadão em pé à direita é o sommelier. Figuraça!


Cozinha



Leia mais:

- 10 atrações imperdíveis em Santiago (Chile)
- 10 dicas para quem visita (ou quer conhecer) Santiago (Chile)
- Top 10 Santiago: Restaurantes
- Turismo no Chile: 10 lugares para incluir no seu roteiro de viagem (além de Santiago)




O couvert é composto por um ótimo "mix" de pães, com broa de milho, branco com gergelim, preto com nozes e palitinhos. Para acompanhar, manteiga.



De entrada, pedi o sensacional "Trío de cebiches" (CLP 14.800, R$ 59,20): o primeiro é o tradicional, com tenros pedaços de robalo, super suave; o segundo tem polvo e pedaços de peixe, é extremamente picante; e o terceiro, com lulas, camarões e milho, tem ardor médio.





O ceviche tradicional deles foi o melhor que já comi, EVER.

Para beber, pedimos a ajuda do sommelier da casa para escolher um bom vinho, que fosse "docinho" e "fraco". O mais próximo que chegamos foi a uva Gewurztraminer, disponível em 2 rótulos: um de CLP 20.000 (R$ 80), outro de CLP 9.400 (R$ 37,60). Adivinhem qual foi o sugerido pelo sommelier? Sim, o mais barato, que na opinião dele "agradaria mais". Gostei do cara.


Faltou uma foto da garrafa... Serve da taça?

Aliás, a viagem de 3 semanas por Santiago revelou um fato importante: em linhas gerais, os garçons são mais preocupados em agradar e satisfazer do que arrancar dinheiro dos turistas, e isso é uma prática bastante comum. Que seja sempre assim.

O atendimento está entre os melhores de Santiago. A postura pró-ativa dos garçons visa garantir que os  clientes sejam atendidos com rapidez e cordialidade, antes mesmo do cliente levantar a mão para chamá-los. Isso pode ser visto em momentos simples: na escolha dos pratos (ajudando e dando sugestões), na reposição da bebida, na entrega da carta de sobremesas.

O Astrid y Gastón é um restaurante frequentado pela elite santiaguense, mas também por turistas, sobretudo brasileiros. Pensando no ótimo atendimento (e, obviamente, de olho nas gorjetas), os caras pediram ao dono para contratar uma professora de português!

O sommelier merece um parágrafo à parte: o cara é uma figura! Conversou conosco à noite inteira num português bastante arranhado, e mesmo com nossas respostas em castellano, o cara fazia questão de falar a nossa língua. Segundo ele, nasceu em "Portugal". Quando questionado "Portugal?", ele responde: "Sim, na rua Portugal, a poucas quadras daqui". Contou que viajou o mundo conhecendo vinhos, com passagem especial em Bento Gonçalves. Ele anda pelo salão com um smartphone nas mãos, com anotações de todos os vinhos da casa para recomendar aos clientes.

A Luciana pediu o "Camarones Crocantes" (CLP 12.800, R$ 51,20), que é uma entrada mas foi servida como prato principal. São 4 camarões equatorianos gigantes, preparados à milanesa com mel e laranja, e acompanhados por um purê de batata doce. Pra quem gosta da mistureba de doce com salgado, é um belo prato. Tem uma das melhores apresentações que já vi.



A Luciana pulou o prato principal. Eu pedi o inesquecível "Salmão Confitado con Risoto de Azafrán" (CLP 13.400, R$ 53,60). Definitivamente, o peixe comido no Chile não tem comparação com aquele negócio que comemos no Brasil - uma posta perfeita no sabor, na textura, no aroma, na cor. O risoto estava caldoso do jeito que eu gosto, e veio acompanhado com vegetais grelhados. Acima do salmão, 2 cebolas confitadas (ótimas) e saladinha de mini-agrião. A barriga ronca só de lembrar do prato.



Estávamos os 2 cheios, e decidimos não pedir sobremesa. Pedimos à conta, acompanhada de uma foto para registrarmos a data. O garçom me questionou com cara de surpreso por não saber do aniversário (bom, eu informei na reserva...), pegou a conta da mesa e pediu que aguardássemos um pouco.

Poucos minutos depois, voltou com uma versão mini do "flan de tres leches" da casa, com velinha e tudo! Uma surpresa a mais para fechar uma noite mais que especial.



Te amo, amorzão! Obrigado por ter ficado comigo no Chile. Espero que a celebração do seu aniversário tenha sido tão inesquecível para você, assim como foi pra mim!

Voltando ao post...

Conta: 1 entrada, 2 pratos principais, 1 vinho 750ml, serviço (15%) = CLP 57.000 (R$ 228).

Conclusão: Meu Top 5 de Santiago. Saí de lá feliz da vida, certo de ter vivido uma excepcional experiência gastronômica. Pelo conjunto da obra, não achei a conta cara.

Importante: A pedido do cliente, os restaurantes chiques de Santiago podem chamar um taxi para levá-lo até o hotel. Vale pela praticidade, mas seguem alguns avisos: (1) não é um taxi oficial, mas um carro privado; (2) como não tem taxímetro, o preço cobrado vai da cabeça do motorista: paguei CLP 4.000 (R$ 16) num trajeto que sairia CLP 1.200 (R$ 4,80) num taxi oficial; (3) mesmo caro, pode até valer a pena, dependendo do horário - o metrô fecha cedo (23hs) e pegar taxi em Santiago perto da meia-noite não é das tarefas mais fáceis.

Endereço: Calle Antonio Bellet 201, Providencia
Telefone: + (56) 2 650 9125
Horários de atendimento: De segunda à sexta das 13hs às 15hs (almoço), e segunda a sábado das 20hs à meia-noite (jantar)
Internet: http://www.astridygaston.cl/

10 comentários:

Karen Rossiter disse...

Estivemos no Astrid y Gaston em Lima (sensacional!) e em Santiago.
O segundo foi bom, mas frustou um pouco. Tivemos azar, no dia vários peixes estavam em falta, fomos obrigados a pedir carne (não é nosso costume).

Anderson disse...

Primeiramente gostaria de parabenizá-lo pelo site. Foi de grande importância para escolhas dos restaurantes em Santiago. Estive no Astrid y Gaston, restaurante diferenciado. Pedimos o menu degustação
,carro chefe do restaurante, são 2 pratos com 4 entradas, 3 pratos principais e 1 pratos com 3 sobremesas, porções pequenas mas que acreditem vão sair satisfeitos. Minha esposa não deu conta da sobremesa. Como ela está grávida pedi 2 taças de vinho e ela ficou na água. 2 menu degustação, 2 água, 1 refrigerante e 2taças de vinho(Marquês Concha y Toro),gorgeta. $88.000 (R$440,00). Vale quanto pesa, experiência imperdível!!!!

Anônimo disse...

Muito boa a dica desse restaurante em Santiago do Chile!!! Parabéns!!!

Anônimo disse...

Só para avisar que o Restaurante é em Lima (Peru) e não no Chile ...

Daniel Neves disse...

Prezado(a) Anônimo,

Você está certo em dizer que a MATRIZ fica em Lima, mas talvez você não saiba que o Astrid y Gastón tem filiais no Chile, Colombia, Venezuela, Argentina, Espanha e México.

Um abraço!

Pathy disse...

Gostaríamos de se possível de valores mais atuais do restaurante Astrid & Gaston, estaremos indo agora em maio/2014.
Aguardmos e agradecemos,
Patricia

Daniel Neves disse...

Olá Patricia,

Não estive no restaurante desde minha última passagem no final de 2012. Pesquisando na internet, notei que existem alguns pratos novos, mas em geral os preços aumentaram pouco, eu diria cerca de 10% na média.

Um abraço!

Flávia disse...

Ótima dica. Vou a Santiago em agosto e quero ver se vou lá. Fui à BA e procurei pela filial lá. Acho que fechou e parece-me que o Chef Gaston abriu um cevicheria que se chama La Mar. Vc conhece?
A última vez que fui a Santiago, fui almoçar (por indicação) em uma Trattoria italiana que se chama Pizzeria Signore. Av Vitacura 2615. Adorei, lugar simples, pequeno, mas um clima muito gostoso. Estilo cantina familiar sem o exagero na decoração. Não comi pizza e sim massa. Estava muito gostoso. Se vc não conhece, vá a próxima vez que estiver Santiago porque acredito (pelo seu estilo eclético, pouco conservador nas escolhas e bom apreciador à mesa) irá gostar.

Daniel Neves disse...

Olá Flávia,

Conheço o La Mar de São Paulo e Santiago, ambos são excepcionais. Não conheço a casa de BsAs, mas há uma boa chance de ser boa.

Normalmente as filiais seguem a qualidade das matrizes, mas há exceções: o Osaka, melhor restaurante de Santiago, tem filial em SP (muito bom), mas a filial de Buenos Aires (em sistema de franquia) é uma porcaria.

Não conheço a Pizzeria Signore, obrigado pelas dica. Aliás, muito obrigado pelas dicas de restaurantes e feedbacks sobre sua viagem, você é uma querida! As contribuições são muito importantes para enriquecer o material que será lido por outros(as) viajantes.

Um abraço!

Anônimo disse...

Ola Daniel !

Como havia falado outro dia estarei com minha esposa final de julho começo de agosto em santiago 9 dias inteiros.
Gostaria que vc coloque em uma sequencia para melhor podermos aproveitar o tempo
os lugares que achamos mais interessantes e tb algum q vc queira adicionar

city tour
cordilheira eldorado, farellones, vale nevado
vina del mar
valparaiso
vinicola concha y toro e parque arauco compras outlets
vale conchagua com saida de santiago destino sao fernando e santa cruz pegando maria fumaça
cerro santa lucia
catedral metropolitana
mercado central
parque bicentenario
cerro san cristobal-(estaçao baquedano)

restaurantes
mestiso
giratorio
como agua p chocolate
happening
del cocinero
astrid y gaston

obrigado
Osmar



Postar um comentário

Pesquisar no Blog

Guias de Viagem


Álbuns de Fotos

Instagram


Anuncie no Viajante Comilão




Você gostou do blog? As dicas de viagens e reviews de restaurantes foram úteis para ajudá-lo(a) a planejar sua viagem?

O Viajante Comilão é um serviço 100% gratuito. Se você gostou do nosso serviço, ajude o blog a continuar seu trabalho: o link abaixo direciona para o site do PayPal, um serviço 100% seguro para que você possa fazer uma doação para o blog, usando seu cartão de crédito.

Contamos com sua contribuição. Obrigado!


Payments By PayPal