segunda-feira, 22 de setembro de 2014

Guia do Viajante Comilão: Onde comer em Florença



Principal cidade da região da Toscana, Florença (ou Firenze) reúne grande oferta de restaurantes, trattorias, tavernas e osterias para todos os gostos e bolsos. Infelizmente não tivemos tempo suficiente para explorar a gastronomia de Florença, o que não significa que não tivemos boas experiências nas escolhas que fizemos.

Florença representa a essência da culinária da Toscana, que na comparação com a Emilia-Romagna oferece pratos mais subtanciosos, molhos mais complexos e maior oferta de carnes, com destaque óbvio para a Bistecca Fiorentinaincluindo cortes exóticos de javali, coelho, entre outros.

Entretanto, falar em Toscana significa falar em vinhos, onde a uva Sangiovese é a estrela da festa. e aqui a região brilha, começando pelos míticos Brunello de Montalcino, seguindo pelos ótimos Nobile di Montepulciano e os Supertoscanos da região de Chianti. Come-se bem, mas bebe-se melhor, e bem mais barato (pelo menos em comparação com os preços abusivos praticados no Brasil).

Restaurantes

La Pentola Dell’Oro

Osteria escondida nas ruelas no bairro de Santa Croce, no lado leste da cidade e a poucas quadras do Duomo. São apenas 25 lugares, e o primeiro indício de que este lugar é especial é o elevado número de moradores locais que você vai encontrar aqui, embora os turistas estejam sempre lá, graças às indicações dos hotéis. Como toda osteria, é um lugar simples, ideal para quem quer comer bem e pagar pouco, sem frescuras. O restaurante...


Il Cavaliere: Restaurante do Villa Olmi Hotel, uma mansão centenária restaurada e convertida em hotel 5 estrelas, hoje propriedade da Rede Accor. Aberto também para não-hóspedes, fica cerca de 15 minutos do centro de Florença. Ambiente classudo e imponente, cozinha típica da Toscana e excelente carta de vinhos, embora com valores um pouco inflacionados. Provamos o “Ravioli mugellani al ragù” (€13) e o “Tortelli di patate burro e tartufo” (€15), ambos perfeitamente executados e de sabores requintados. Os pratos podem ser harmonizados com vinhos em taça, como o caso do ótimo Chianti que provamos (€7, 175ml). Via del Crocifisso del Lume 18, +39 055 637710, http://www.villaolmifirenze.com/pt/.


Il Cavaliere, ravioli mugellani al ragù


Il Cavaliere, tortelli di patate burro e tartufo

Cibrèo: Outra opção no lado leste da cidade. No casarão principal ficam o ristorante e a trattoria, com ambientes (e cardápios) bem diferentes, e do outro lado da rua está o caffeè, para quem busca lanches e saladas com preços mais acessíveis. Considerado um dos melhores “ristorantes” da cidade, comer no Cibrèo é uma instituição em Florença, uma mesa refinada e de alta qualidade, o que significa estar preparado para gastar €100 na conta. A trattoria tem uma proposta mais simples, com pratos mais em conta – cerca de €8 por um primi e €15 por um secondi. O salão tem cara de osteria, com mesas pequenas e prateleiras com vinhos nas paredes. Via dé Macci 122R, +39 055 234 11, http://www.edizioniteatrodelsalecibreofirenze.it/.


“Seppie in zimino”, prato típico de Gênova e Ligúria, uma espécie de ensopado com sépias (ou lulas), acelga, tomate, cenoura e especiarias.

Comidinhas


Você não precisa de um bom restaurante para comer bem (e barato) em Florença. Redes de mercados como Conad (http://www.conad.it/) e Coop (http://www.e-coop.it/) oferecem inúmeras opções de queijos, embutidos (prosciuttos, salames, mortadelas), frutas e vinhos com preços muito baixos (onde mais você pode pagar €10 por um bom Brunello de Montalcino 375ml?), sem falar de uma oferta irresistível de massas frescas, molhos e outros ingredientes (cogumelos, tomates, trufas, ervas, etc), um convite para aqueles que estão hospedados em algum apart com cozinha.
Florença – Mercato Centrale

Com a demolição do Mercato Vecchio (antigo mercado de Florença, datado do século 16) na segunda metade do século 19 para abrir caminho para a Piazza della Repubblica, surgiu a necessidade de um novo mercado coberto. A fim de preencher essa necessidade, um quarteirão inteiro conhecido como "Camaldoli di San Lorenzo", localizado nos arredores da Basílica de San Lorenzo e no quadrilátero entre dell'Ariento via, via Panicale,...

Sorveterias

Florença – Lindt Chocolate Town

Já falamos aqui no blog sobre as maravilhas e gordices de visitar uma loja da Lindt (veja aqui o review que fizemos na loja em Zurique), e quando soubemos que havia uma loja na Piazza del Duomo em Florença não perdemos tempo. Os chocolates mais maravilhosos do mundo estão lá, desde a linha completa de barras e trufas, as bolinhas de Lindor por quilo, até itens que (por enquanto) só encontramos no exterior, como os vidros de chocolate cremoso para...


Cantina del Gelato: São 2 endereços em Florença, a loja central na Via de Bardi, do outro lado do Rio Arno em frente a Galleria degli Uffizi, e o endereço no bairro de Santa Croce, localizado na parte leste da cidade e um pouco afastada do Centro Histórico. Loja moderninha, com atendente brasileiro e Jorge Ben Jor de som ambiente, são cerca de 20 sabores, paga-se €3 pelo copinho ou casquinha com 2 sabores. O sorvete é bom, mas sem nada de especial. Campeão de vendas, o açaí na tijela vem com banana picada e granola por cima. Borgo la Croce, 30R, +39 055 532 0334, http://cantinadelgelato.it/.


Cantina del Gelato

Le Botteghe di Leonardo: Franquia com endereços em Florença, Milão e Nápoles. Tem uma loja cerca de duas quadras do Duomo, que chama a atenção pelos afrescos nas paredes. Os sorvetes são mais saborosos e densos do que a Cantina del Gelato, são cerca de 25 sabores, paga-se €3 pelo copinho ou casquinha com 2 ou 3 sabores. Destaques para os sabores de manga, pêra, pistache, bacio, fiordilatte e ciocollato nero. Via de Ginori, 21R, +39 055 933 7083, http://www.lebotteghedileonardo.it/.



1 comentários:

Angela Santos disse...

Adorei essas dicas! Final do ano estarei por lá!

Postar um comentário

Pesquisar no Blog

Guias de Viagem


Álbuns de Fotos

Instagram


Anuncie no Viajante Comilão




Você gostou do blog? As dicas de viagens e reviews de restaurantes foram úteis para ajudá-lo(a) a planejar sua viagem?

O Viajante Comilão é um serviço 100% gratuito. Se você gostou do nosso serviço, ajude o blog a continuar seu trabalho: o link abaixo direciona para o site do PayPal, um serviço 100% seguro para que você possa fazer uma doação para o blog, usando seu cartão de crédito.

Contamos com sua contribuição. Obrigado!


Payments By PayPal